Inscrições Abertas

Programa Travessia Grande ABC Artesanato


Sobre o Curso

OBJETIVO:

Empreendedores do SETOR DE ARTESANATO

O Consórcio ABC lança, em parceria com o Sebrae e a FIA com o apoio das secretarias municipais de desenvolvimento econômico e Agência de Desenvolvimento Econômico Grande ABC, nova turma do Programa Travessia Grande ABC que visa qualificar seu negócio do SETOR DE ARTESANATO com capacitação no Descomplique, atendimento ao turista, melhoria do produto artesanal, marketing digital e elaboração de plano de negócios, foco em resultados e muito mais!

PÚBLICO-ALVO:

Empreendedores do setor de artesanato – Informais e MEIs

PRÉ-REQUISITOS:

  • Atuar no segmento de artesanato.

  • Acesso à internet. É necessário que o(a) aluno(a) tenha pacote Office (Word, Excel, PowerPoint) ou semelhante.

  • Conhecimentos básicos do pacote Office (Word, Excel, PowerPoint) são desejáveis, uma vez que o curso foca no trabalho com os dados, da extração à apresentação.

DINÂMICA:

Capacitação por turmas específicas com acompanhamento técnico do SEBRAE.


CARGA HORÁRIA:

40 horas


O curso tem carga horária total de 40 horas, divididas em:

Oficina Descomplique – 10 horas

  • Workshop de atendimento ao turista – 16 horas

  • Melhoria do produto artesanal – 12 horas

  • Palestra de encerramento – 02 horas


CERTIFICAÇÃO:

Curso certificado pelo SEBRAE.


vagas limitadas! Garanta a sua participação!

Aproveite essa oportunidade para melhorar sua gestão e potencializar seu negócio!

Inscrições

Período de Inscrição:

Até dia 16 de agosto ou até as vagas se esgotarem.

Link de inscrição:

forms.office.com/r/aXhFi8fkGG

Início do curso:

17 de agosto

Programa Travessia Grande ABC Moda e Confecção

Sobre o Curso

OBJETIVO:


Empreendedores do SETOR DE VAREJO DE MODA E CONFECÇÃO

O Consórcio ABC lança, em parceria com o Sebrae e apoio das secretarias municipais de desenvolvimento econômico e Agência de Desenvolvimento Econômico Grande ABC, nova turma do Programa Travessia Grande ABC, que visa qualificar seu negócio do SETOR DE VAREJO DE MODA E CONFECÇÃO para a retomada econômica, considerando novas necessidades do segmento.

O objetivo dessa etapa é melhorar a gestão dos negócios do setor de VAREJO DE MODA E CONFECÇÃO com capacitações gratuitas sobre técnicas de gestão em marketing digital, resultados financeiros e vendas!

Aproveite essa oportunidade para melhorar sua gestão e potencializar seu negócio!

PÚBLICO-ALVO:

Empreendedores do setor de varejo de moda e confecção - MEIS, ME e EPP.

PRÉ-REQUISITOS:

  • Atuar no segmento de moda e confecção.

  • Acesso à internet. É necessário que o(a) aluno(a) tenha pacote Office (Word, Excel, PowerPoint) ou semelhante.

  • Conhecimentos básicos do pacote Office (Word, Excel, PowerPoint) são desejáveis, uma vez que o curso foca no trabalho com os dados, da extração à apresentação.

DINÂMICA:

Capacitação por turmas específicas com acompanhamento técnico do SEBRAE.

RESPONSÁVEL:

Equipe SEBRAE Regional Grande ABC

CARGA HORÁRIA:

Total de 15 horas para ME e EPP

Total de 23 horas para MEIS


CERTIFICAÇÃO:

Curso certificado pelo SEBRAE.


vagas limitadas! Garanta a sua participação!

Aproveite essa oportunidade para melhorar sua gestão e potencializar seu negócio!

Inscrições

Período de Inscrição:

Até dia 09 de agosto ou até as vagas se esgotarem

Link de inscrição:

gg.gg/TravessiaModaConfeccao

Início do curso:

10 de agosto


SerH Grande ABC


Formação para facilitadores do serviço regional de educação e responsabilização para homens autores de violência contra mulheres do Grande ABC.




Sobre o Curso

CONHECENDO O SERH GRANDE ABC:

O Serviço de Educação e Responsabilização para Homens Autores de Violência contra Mulheres do Grande ABC é o equipamento responsável pelo acompanhamento de parte das penas e das decisões proferidas pelo juízo competente no que tange aos homens autores de violência contra a mulher, conforme previsto na Lei 11.340/2006 e na Lei de Execução Penal, nº 7.210, de 11 de julho 1984.

Esse serviço deverá ser, necessariamente, vinculado ao sistema de justiça, entendido em sentido amplo (Poder Judiciário, Secretarias de Justiça Estadual e/ou Municipal e Central de Penas e Medidas alternativas, ente outras).

Por meio da realização de atividades educativas e pedagógicas que tenham por base uma perspectiva de gênero, o Serviço Regional de Educação e Responsabilização de Homens Autores de Violência contra a Mulher deverá contribuir para a conscientização desses homens sobre a violência de gênero como uma violação dos direitos humanos das mulheres e para a responsabilização pela violência cometida. Juntamente com demais atividades preventivas – como campanhas, formações e sensibilizações – o serviço poderá contribuir para a desconstrução de estereótipos de gênero, a transformação da masculinidade hegemônica e a construção de masculinidades não violentas.

O Serviço Regional de Educação e Responsabilização para Homens Autores de Violência Contra Mulheres do Grande ABC constitui parte da rede de atendimento e de enfrentamento à violência contra as mulheres e deverá atuar de forma articulada, estabelecendo intercâmbio permanente de informações com os demais serviços da rede (Juizados de Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher, Casas Abrigo, Centros de Referência da Mulher, Delegacias Especializadas de Atendimento à Mulher, Defensorias/Núcleos Especializados da Mulher, Centros de Referência Especializados de Assistência Social, serviços de saúde, entre outros), no sentido de contribuir para a prevenção e o enfrentamento à cultura da violência de gênero.

O Serviço Regional de Educação e Responsabilização para Homens Autores de Violência Contra Mulheres do Grande ABC consiste em promover diálogo reflexivo com homens autores de violência contra mulheres no sentido de promover a autorreflexão para a desconstrução da violência. A participação nos grupos reflexivos contará como parte da pena imposta e as decisões serão proferidas pelo juízo competente.


OBJETIVO:

Essa proposta tem a intenção de estruturar formação regional que abarcará reflexões sobre gênero e masculinidades com intuito de tornar os homens cursistas multiplicadores e facilitadores do SerH ABC, objetivando ampliar o alcance o serviço regional e contribuir com as políticas públicas regionais de enfrentamento às violências contra mulheres.

PÚBLICO-ALVO:

Servidores públicos (homens) das cidades consorciadas.

PRÉ-REQUISITOS:

Acesso à internet. É importante que o(a) cursista tenha acesso e conhecimento básico de pacote Office (Word, Excel, Power point) ou similar.

O Consórcio utiliza a ferramenta Google Classroom, portanto, é necessário que os(as) participantes tenham uma conta de e-mail da Google (Gmail) para viabilizar a comunicação da turma e acesso aos materiais do curso.

DINÂMICA:

A formação será estruturada em módulos/tópicos/temas para que a adaptação ao formato digital seja satisfatória, cada um deles seguindo roteiro específico que contenha:

  • Leituras obrigatórias: obras básicas de referência para tratamento do tema (disponibilizadas na plataforma);

  • Videoaulas: materiais de apoio às reflexões contidas nos textos (disponibilizados na plataforma);

  • Atividades: exercícios, testes, produção de texto e materiais audiovisuais (disponibilizados na plataforma);

  • Videoconferências: encontros virtuais para reflexões coletivas e troca de experiência (realizada pelo Youtube, ao vivo, Zoom ou Google Meeting);

  • Aula Magna: aula inicial, aberta, em formato de palestra;

  • Webinar/Seminário final: atividade final de encerramento e apresentação dos resultados gerais da formação;

  • Trabalho de Conclusão: Projeto Temático de Prevenção e Enfrentamento da Violência Contra a Mulher, com produção de proposta de intervenção nas prefeituras ou locais de trabalho.


RESPONSÁVEIS:

Membros do Grupo Temático (GT) Gênero e Masculinidades do Consórcio Intermunicipal Grande ABC.

  • Eurico de Marcos Jardim - Bacharel em Matemática, Especialista em Sistemas de Informação e em Educação em Saúde Pública. Foi membro do Grupo Temático Gênero e Masculinidades do Consórcio Intermunicipal Grande ABC. Monitor de atividades comunitárias na Prefeitura de Mauá. Facilitador dos grupos reflexivos de homens responsabilizados pela Lei Maria da Penha no Núcleo de Masculinidades do Coletivo Feminista Sexualidade e Saúde e do Programa “E Agora, José?”.


  • Flávio Urra - Psicólogo e Sociólogo. Mestre em Psicologia Social, Especialista em Violência Doméstica. Coordenador do Programa “E Agora, José? Pelo Fim da Violência Contra a mulher”.

  • José Adriano M. C. Marinho - Assistente Social, Especialista em Assistência Social e em Administração e Planejamento de Projetos Sociais. Foi membro do Grupo Temático Gênero e Masculinidades do Consórcio Intermunicipal Grande ABC (CIGABC). Servidor público (Assistente Social) da Prefeitura de Santo André. Professor universitário de Pós-Graduação. Consultor em Planejamento e Assistência Social. Tem experiência como facilitador no Serviço Regional de Educação e Responsabilização para Homens Autores de Violência contra Mulheres (SerH ABC) do CIGABC e no Programa “E Agora, José?”.

  • Maurício de Oliveira Filho - Assistente Social, Educador Popular, Diretor de Seção de Proteção Social Especial na Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de São Bernardo do Campo. Coordenador do Grupo Temático Gênero e Masculinidades do Consórcio Intermunicipal do Grande ABC (CIGABC) e facilitador no Serviço Regional de Educação e Responsabilização para Homens Autores de Violência contra Mulheres (SerH Grande ABC).

  • Reginaldo Bombini - Pai, que reconheceu suas paternidades e exerce humildemente o seu aprendizado no campo da paternagem. Ser apaixonado pela vida e pela sua companheira, numa segunda união. Homem branco, cisgênero e heterossexual em processo de desconstrução do machismo e racismo estruturais, que se reconhece privilegiado. Servidor público na Prefeitura do Município de Diadema, onde atua como educador e mediador no Serviço de Mediação de Conflitos da Secretaria de Defesa Social. Facilitador e formador de grupos reflexivos e de responsabilização de homens. Graduado em Letras. Especialista em Segurança Pública e Cidadania, em Direitos Humanos, em Violência Doméstica e em Gênero e Sexualidade.


CRONOGRAMA DE AULAS E TEMÁTICAS:

drive.google.com/file/d/1ddMGtw8nseJI9sbGt7LU1DiOXKkw4vqA/view


CERTIFICAÇÃO:

Após a realização do trabalho de conclusão da formação, os participantes receberão certificado por meio da Escola de Governo e Desenvolvimento Regional do Consórcio Intermunicipal Grande ABC.


Inscrições

Período de Inscrição:

Abertas a partir de 21 de junho de 2021.

Link de inscrição:

docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLSfc0ANvDc2TTueEFjfQ7ARhJTuL-xi9sJ8Y47f0qtZdR-9vkg/viewform

Início do curso:

04 de agosto

Período do curso:

04 de agosto a 13 de setembro de 2021.